Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Entre Tejo e Sado

Por dentro dos dias e da vida

Por dentro dos dias e da vida

Diz-me espelho meu…

Estou num tempo que não me apetece correr. A idade já não o permite. E, diga-se, não tenho pressa. Não tenho, mesmo, pressa nenhuma.

É verdade, já nem tenho pachorra para ter pressa. Prefiro e procuro seguir os caminhos diários tranquilamente.

O tempo passa a correr de forma fulminante, por vezes, quando dou por mim, já estou ao meio da semana.

Hoje, estava mesmo com a sensação que era sábado.  

A única pressa que tenho é, na verdade, quando pela manhã, vou comprar o pão, para o pequeno almoço, entro, ali, no «Gerações» e incomodo os meus amigos, ao dizer-lhes, bem alto: “Isto demora muito. Eu não gosto de esperar”. E, eles, de imediato respondem : “Veio ao sítio certo!”.

Divirto-me. Por vezes, clientes que escutam pela primeira vez, aquele desabafo e impropério matinal, olham para mim com aquele olhar que entendemos, perfeitamente, como quem nos diz: “Grande estúpido!”.

Percebo e sorrio. Os que já conhecem dão-me força e comentam : “É assim mesmo, aperte com eles!”.

São as rotinas dos dias. Aquelas pequenas coisas que fazem o nosso quotidiano. Vivendo divertidamente.

Cheguei mesmo à conclusão que o giro, o mesmo giro, é viver sentindo o pulsar dos dias. Olhar o sol. Sentir o vento. Escutar o som dos cães. Ouvir ao longo o ruído do comboio. Pensar as cores, sim, porque as cores também servem para nos dar pensamentos. Aproveitar, sem pressa, todo o tempo, por dentro do tempo.

Digo-vos mesmo, sinto uma enorme vontade, todos os dias, de sentir e amar a natureza – a vida!

Cheguei mesmo à conclusão que já não tenho tempo para ter sonhos, nem sonhar sonhos, por isso, apenas por isso, o meu desafio diário é, contraditoriamente, sentir e viver o sonho real, este, de estar vivo, aqui e agora, e viver.

Acreditem não há sonho mais lindo que o sonho real, esse, que nos faz viver, com tudo o que fomos, com tudo o que somos – sorrindo!

Se transformamos a nossa vida num sonho, então, a nossa vida é, na verdade a realização de todos os sonhos que sonhamos.

Diz-me espelho meu: Há sonho mais lindo que o sonho de viver e sentir que, de facto, este que está aqui, não é um sonho, mas sou eu, mesmo eu?

 

S.P.

aferias 061.JPG

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

COMUNICAÇÃO SOCIAL

AUTARQUIAS

ESCOLAS

EMPRESAS

BLOGUES DO BARREIRO

ASSOCIAÇÔES E CLUBES

BLOGUES DA MOITA

SAPO LOCAL

PELO DISTRITO

CULTURA

POLITICA

TWITTER

FACEBOOK ROSTOS

Em destaque no SAPO Blogs
pub